sexta-feira, 27 de maio de 2016

Farófias e Reportagem Fotográfica da Confecção das Farófias

 
Carlos Bento da Maia, Tratado Completo de Cozinha e de Copa,
 edição de 1904, pág. 555


Farófias
 
Leite - 1,5 litros (litro e meio)
Claras de ovos - 6
Gemas de ovos para o creme - 4
Açúcar pilé - 200 gr.
Baunilha - q.b.
 
Este doce faz-se geralmente para aproveitamento das claras que sobram do fabrico de outros doces.
Batem-se as claras até ficarem em castelo e, depois de batidas, deitam-se com colher grande em leite fervente que as coze, conservando-lhes o volume. As farófias resultantes da cozedura tiram-se do leite com escumadeira e deitam-se em vasilha côva.
Depois de acabada a cozedura, prepara-se com o resto do leite um creme, que se lança na vasilha onde estão as farófias, correndo sobre elas.
Posto, que as proporções dos diferentes elementos possam variar, as relações que acima indicamos correspondem a um creme mais pobre que o leite creme, cuja receita apresentaremos na devida altura, por ser uso empregar um creme bastante fluido com as farófias.
 
Uma vez que as fiz, segue o meu making of:
 
 Litro e meio de leite fervente

 Seis claras batidas em castelo e 4 gemas [eu utilizei as seis] para o creme

 As farófias a cozer

 Já cozidas

 Mistura-se no leite restante o açúcar [eu utilizei 240 gr.] e as gemas [utilizei seis]
e deixa-se engrossar. Senti necessidade de juntar um pouco de nada de farinha.

  E cá estão elas...
 
A receita é muito simples de confeccionar. E, tal como diz Bento da Maia, senti necessidade de "mexer" nas proporções. Assim, na confeccção do creme, utilizei 6 gemas de ovos (em vez das 4 indicadas) e 240 gr. de açúcar (em vez dos 200 gr. indicados). Em vez da baunilha, pus durante uns cinco minutos dois pedaços de casca de limão para dar um certo sabor. A meio da mexedela do creme, e já com o braço a dar de si, resolvi colocar um bocadinho de nada de farinha para acelerar o engrossar do creme (mas não iria ser necessário... foi precipitação mas que em nada adulterou o sabor).
Espero que gostem... se as fizerem, venham depois dizer o que acharam e como ficaram. Gosto sempre de receber o feed-back dos leitores.