quinta-feira, 27 de março de 2014

Bruxinhas - Opinião do Leitor




Uma querida leitora resolveu presentear-me com uma Bruxinha no Dia Internacional do Chocolate que se comemorou ontem, dia 26 de Março... não foi à toa que coloquei a receita de Tigelinhas de Creme de Chocolate.

E relativamente à Bruxinha, diz a Nabiae

"Queridas avós,
Junto envio-lhes, neste dia em que se comemora esse pecaminoso ser, umas singelas imagens de uma mui breve incursão no vosso maravilhoso mundo! Lá vão "bruxinhas" a meia recipe!
Desta que há muito vos admira,
Nabiae

P.S. são muito saborosas! devia ter colocado o pacote todo das bolachinas! a avó lá sabe!
recomendo!"
 
Muito obrigado pela mensagem e pelo carinho... fico à espera de novas incursões culinárias.
 
Veja a receita da Bruxinha, aqui.

quarta-feira, 26 de março de 2014

Tigelinhas de Creme de Chocolate

Doces e Cosinhados, de Isalita, Centro Tipográfico Colonial, 1925, pág. 208

Tigelinhas de Creme de Chocolate

Põe-se ao lume 80 gr. de chocolate ralado com uma gota de água, quando está em pasta, deitam-se-lhe 300 gr. de açúcar em ponto de fio e a seguir 1 litro de leite a ferver. Deixa-se um pouco ao lume e depois deita-se sobre 5 gemas que devem estar passadas pelo peneiro. Vai-se deitando devagar para não cozer os ovos. Deita-se nas forminhas de louça e vão a cozer em lume brando, dentro de um tabuleiro com água fria.
  

segunda-feira, 24 de março de 2014

Bolo Baltazar

Revista Banquete - Revista Portuguesa de Culinária
Retirado do blog Malomil

Bolo Baltazar

6 ovos, 300 grs. de chocolate, 150 grs. de açúcar, 70 grs. de manteiga, 100 grs. de farinha, 1 colher das de café de fermento em pó, 4 colheres das de sobremesa de rum.

Parta 150 grs. de chocolate e derreta-o em banho-maria. Quanto estiver em creme, junte-lhe a manteiga e mantenha-o no banho-maria, mexendo com a colher até a manteiga estar completamente incorporada.
À parte, bata as gemas com o açúcar e, quando estiverem leves e espumosas, acrescente a farinha, previamente misturada com o fermento, a mistura do chocolate e o licor. Por fim, junte as claras em castelo. Deite este preparado numa forma de coroa, e coza num forno quente, durante cerca de 20 minutos. Convém tapar o bolo com papel vegetal, para não tostar muito rapidamente na superfície.
Derreta 150 grs. de chocolate em banho-maria com 4 colheres das de sopa de água, incorpore-lhe 30 grs. de manteiga e acrescente 3 colheres de sopa de rum. Deite este preparado sobre o bolo, depois de desenformado e arrefecido, e guarneça o centro com creme chantilly.
 

sexta-feira, 21 de março de 2014

Crepes "soufflés"


Crepes "Soufflés"

Para a massa: 
100 gr. de farinha
 50 gr. de margarina
3 ovos
sal
2,5 dl. de leite
raspa de limão

Para o recheio:
100 gr. de açúcar
5 ovos
raspa e casca de limão

Põe-se a farinha numa tijela, faz-se uma cova ao centro e deitam-se os ovos inteiros, raspa e casca de limão, 1 pitada de sal e 1 dl. de leite frio. Mexe-se tudo bem e junta-se o restante leite. Passa-se a massa por um passador e junta-se a margarina derretida. Deixa-se descansas a massa e fazem-se os crepes.
Para o recheio, batem-se as gemas com o açúcar e raspa e casca de limão, até obter um creme espesso.
À parte batem-se as claras e juntam-se-lhe uma colher de açúcar. Mistura-se levemente no creme anterior. Põe-se um pouco de recheio no centro de cada crepe e dobra-se uma parte do crepe sobre o recheio. Colocam-se os crepes assim preparados num prato que possa ir ao forno e à mesa e leve a forno quente durante 5 minutos. Retira-se do forno e polvilham-se com açúcar.
 

Portuenses vencem prémio de melhor receita com batata


A página de facebook Batata - Um Mundo De Sabor atribuiu à receita de Portuenses deste blog o prémio de melhor receita com batata.

Já experimentou? Diga-nos de sua justiça... de preferência com fotos. 

Veja a receita aqui

domingo, 16 de março de 2014

Bolo de Caramelo


Bolo de Caramelo

200 gr. de açúcar, 150 gr. de farinha, 100 gr. de manteiga, 3 ovos, 125 dl. de leite e 2 colheres de chá de fermento em pó.
Carameliza-se 100 gr. de açúcar. Juntando a seguir o leite e deixa-se arrefecer.
Bate-se a manteiga com o restante açúcar e as gemas, batendo bem. Liga-se com o leite caramelizado, continuando a bater.
Junta-se a farinha com o fermento e por fim as claras em castelo.
Vai a cozer em duas formas iguais em forno moderado.
Depois de cozido unem-se os dois bolos com o recheio seguinte:
Recheio:
Leva-se a caramelizar 200 gr. de açúcar juntando-se 5 colheres de chá de manteiga e meia chávena de leite. Depois de tudo dissolvido jutna-se uma chavena de nozes grosseiramente moidas deixando ferver um pouco.
Unem-se as duas partes com o recheio e cobre-se também.

sexta-feira, 14 de março de 2014

Tarte de Maçã - Outra Receita



Tarte de Maçã
Massa:
150 gr. de margarina
2 chávenas rasas de farinha
1 pouco de sal, 1 ovo inteiro
1 colher (de sopa) de água
 
Recheio:
3 maçãs, 3 gemas, geleia, 1 colher (de sopa) bem cheia de açúcar, 1 copo de leite, 1 colher (de sopa) de fécula de batata, 1 cálice de whisky.

Cobertura: meia chávena (de chá) de amêndoa pelada e cortada em lâminas, 6 colheres (de sopa) de açúcar, 50 gr. de margarina, 1 colher (de sopa) de farinha, 5 colheres (de sopa) de natas.

Faz-se a massa da tarte, forra-se a torteira e leva-se ao forno.

Recheio: Leva-se a lume brando o leite previamente misturado com a fécula, as gemas e os outros ingredientes, mexendo até engrossar.
Põe-se este creme dentro da tarte e por cima as maçãs cortadas ao meio. Tira-se-lhes o caroço e dá-se-lhes uns cortes para abrirem. No fundo da tarte deve levar a geleia antes do creme. 

Creme [cobertura]: misture todos os ingredientes numa tijela e bata bem. Acrescente as amêndoas e leve a forno brando durante 3 minutos. E vire imediatamente sobre as maçãs e cobrindo toda a tarte.
Leve ao forno por 20 a 25 minutos.

Existe outra receita de Tarte de Maçã, feita e refeita e sempre maravilhosa. Veja a receita aqui.

quinta-feira, 13 de março de 2014

Bruxinha


Bruxinha
1 lata de leite condensado
2 colheres (de sopa) de manteiga
2 colheres (de sopa) de chocolate em pó
1 pacote de bolacha maria partida.

Mistura os 3 primeiros ingredientes e leve a fogo fraco até desprender do fundo do tacho. Retire, misture as bolachas partidas aos bocadinhos e ponha num tabuleiro untado.
Depois de frio, corte em quadradinhos e deite em forminhas de papel.
 

sexta-feira, 7 de março de 2014

Opinião dos Leitores... que me deixaram muito feliz.

Eis alguns comentários que tenho recebido e que me deixam um pouco "inchado"...

"Olá, descobri o seu blog ontem e fiquei fascinada! Adoro coisas antigas, em especial as fotos, o papel, os livros...e o facto de colocar as fotos das receitas originais onde se pode ver a cor do papel a maneira como escreviam é de facto extraordinário e autêntico! E as receitas das avós são sempre de uma extrema simplicidade e incivelmente saborosas. Muitos Parabéns pelo trabalho. E se eu experimentar alguma receita, enviarei com certeza as fotos. Continuação de bom trabalho. 
V. A."



"Ficaram mesmo bonitas. Um aroma indescritivel. O azeite na receita cheira mesmo a casa. Ah, saudade!
Uma pena que ainda estejam  a fervilhar, senao "marchava" ja um belo naco. Acho que nem vou dormir descansada.
Viva a tia Julia e viva o Agostinho que fez e me deu as chouricas.
E servido?
A. S."

"Olá,
Gostei muito de ver o seu blog e hei-de experimentar algumas receitas!
Também guardo com muito carinho um livro de receitas manuscrito pela minha avó, e outro pela minha tia e madrinha, onde de vez em quando vou buscar inspiração.
Lembro-me muito delas e dos petiscos e mimos que me faziam, a minha avó era uma cozinheira de mão cheia, enfim, uma dona de casa à moda antiga.
Pela letra, creio que as suas avós já são da geração a seguir à da minha - é engraçado como as letras parecem marcadas por uma 
época - a minha avó materna, se fosse viva, teria cento e tal anos.
Bem-haja pela ideia, saudações
M. J." 
Quem quiser fazer a Bôla de Chouriça (receita da Tia Júlia) que a A. S. tão gentilmente enviou fotografias, aqui fica, de novo, a receita ou confira o post original aqui.
Bôla de Chouriça
(Tia Júlia)
1/2 [meia] chávena de chá de azeite
1 chávena de chá de leite
2 chávenas de chá de farinha
1 colher de sopa de manteiga derretida
1 colher de café de sal
2 colheres de chá de fermento
1 chávena de chá de chouriça picada
4 ovos
Bate-se o azeite com os ovos; depois junta-se a manteiga, o leite, a farinha com o fermento e por fim a chouriça que é misturada na massa.
A forma em que vai ao forno é untada com manteiga e polvilhada de farinha.
 

quarta-feira, 5 de março de 2014

Pudim Victor Hugo

 
Manual do Confeiteiro e Pasteleiro: Nova arte do Conserveiro e Doceiro, 
Enciclopédia Bordalo, 
Vol. XII, Editor Arnaldo Bordalo, Lisboa, 1904 - pág.103

Pudim Victor Hugo

É um pudim delicioso que se faz do seguinte modo: Tomam-se 500 gramas de açúcar refinado, 18 gemas de ovos, 1 litro de leite, casca de limão ralada, canela e sal. Mistura-se tudo, menos os ovos, e côa-se por peneira de seda; depois, misturam-se bem os ovos e deitam-se em forma de loiça vidrada, e untada de açúcar em ponto queimado. Coze-se, por fim, a banho-maria.

segunda-feira, 3 de março de 2014

Fidalguinhos de Nozes

Fidalguinhos de Nozes

Tomem-se 200 grs. de miolo de nozes ou amêndoas (neste caso terão as nozes a preferência). Pelam-se e ralam-se na máquina ou no ralador e não no almofariz.
Põe-se ao lume igual peso de açúcar que se deixa levar a ponto alto. Juntam-se-lhe então as nozes raladas, reservando-se apenas, em um pires, uma colherada delas.
Volta ao lume a ferver até ficar uma massa presa. Deixa-se esfriar um pouco (não muito) e tendem-se com ela pequenas bolas ou charutinhos que em seguida se põem a secar.
Levam-se ao lume 150 grs. de chocolate com uma colherinha de água, uma gota de essência de baunilha. Quando o chocolate derreter e formas pasta junta-se-lhe uma ou mais colheres de açúcar refinado e uma colher de manteiga, batendo em seguida toda a massa muito bem fora do lume, mas sem deixar esfriar.
Nesta massa se passam as bolinhas feitas e em seguida rolam-se nas nozes raladas que se deixaram de reserva no pires, pondo-as a secar.