domingo, 17 de setembro de 2017

Sopa de Azedas e Sopa de Camarão

Carlos Bento da Maia, Tratado Completo de Cozinha e de Copa,
 edição de 1904, pág. 417

Sopa de Azedas

Lavam-se as azedas, cozem-se, passam-se por uma peneira ou passador fino, junta-se-lhe caldo de carne, queijo ralado, sumo de limão e lança-se a mistura resultante e fervente sobre miolo de pão torrado.

Sopa de Camarão 

Coze-se camarão e pisam-se as cabeças, caudas e cascas, no almofariz, molhando-se com o caldo respectivo. O polme resultante leva-se ao lume com o resto do caldo, um tomate maduro, cabeças de nabos e cenouras cortadas miúdas e, em estando tudo cozido, passa-se por um passador, depois do que o novo polme vai outra vez ao lume, juntando-se-lhe os corpos dos camarões, sal, pimenta, algum vinho branco e água suficiente, lançando-se o caldo formado sobre o pão frio ou torrado, em bocadinhos, e servindo-se em seguida.