domingo, 23 de outubro de 2016

Quartos de Marmelo

Almanach dos Bons Pitéos para o ano de 1875, de D. Guiomar de Lima.
Tipografia Universal: Lisboa, 1874 - pág. 31
 
 
Quartos de Marmelo
 
 
Descascam-se os marmelos em cru, tira-se-lhes o caroço e partem-se em quartos ou mais talhadas; deitam-se em um tacho com água fria, e logo que levante fervura tiram-se e põem-se a escorrer num peneiro de cabelo; pesam-se depois e quanto fôr o peso, tanto será o açúcar de caixa; limpa-se este e logo se lhe deita o marmelo dentro, deixando-se ferver até ao ponto que se quiser, notando que quem o quiser para guardar o deve pôr em ponto alto, levando também conforme a porção, cravo da Índia e canela partida; depois disto, deitam-se em boiões.
Ou em o ambito triptorio,
Que ainda é mais consolatório.