sexta-feira, 13 de março de 2015

Pantagruel da Avó Eduarda

 Capa e lombada d'O Livro de Pantagruel
Cozinha - Doçaria - Bebidas

 Assinatura da Avó
Maria Eduarda Athayde Sá e Mello Amaral Marques Teixeira
Local de compra: Coimbra
Data: 1 de Julho de 1948

 O número das receitas favoritas - Parte I

O número das receitas favoritas - Parte II
(Papel timbrado da Assembleia Nacional)

E eis que fiquei fiel depositário da grande biblia da cozinha: O Livro de Pantagruel, de Berta Rosa-Limpo. Este exemplar pertencia à minha Avó Eduarda. Estão profusamente marcadas as receitas mais utilizadas e apresenta ainda algumas receitas acrescentadas pela Avó, nos espaços em branco. No seu interior tem também diversos recortes de jornal e uma folha escrita em colunas com os números das receitas favoritas inseridas no Pantagruel. Estas escolhas estão em papel timbrado da Assembleia Nacional. Infelizmente, a Avó não seleccionou os seus doces favoritos. Cabe-me essa escolha.
O livro foi adquirido em Coimbra, um ano antes do nascimento do primeiro filho da minha Avó, o meu Tio João José.